2 de março de 2015

VLOG na Aldeia Indígena KAXIXÓ em Martinho Campos Minas Gerais

Sim, me acho uma Índia, gosto dessa gente,amo essa gente,e nas minhas veias corre o sangue dos meus ancestrais indígenas com muito orgulho!
Ao filmar esse Vlog,me senti deliciada com todos os costumes,rituais e encantos que uma Aldeia indigena reserva e cultiva.
Sou india guerreira, e com minha flecha e meu arco enfrento qualquer obstáculo. Sou índia da tribo da PAZ, eu luto no corpo e na raça,
Adoro andar a pé,
adoro banho de Igarapé,
sou india, sou guerreira
sou mulher,
sou faceira,
não canto,
encanto,
tenho meus rituais,
você pode até achá-los banais,
mas adoro a Deus,e na vida,
não me importa que me chamem de caipira,
sou livre, sou guerreira,
sou india .... sou mulher!







KAXIXÓ CAPÃO DO ZEZINHO MG em Martinho Campos

Os Kaxixós são um grupo indígena que habita o município brasileiro de Martinho Campos, no estado de Minas Gerais, mais precisamente na Terra Indígena Kaxixó.Por muito tempo, os Kaxixó foram conhecidos como "Índios Caboclos da Vargem do Galinheiro", hoje um bairro da cidade de Pompéu, antes conhecida como "Buriti da Estrada", local de passagem obrigatória para os tropeiros, que lá se abasteciam com as galinhas criadas pelos "índios caboclos". Os atuais Kaxixó são assim fruto da miscigenação de indígenas até então vivendo em liberdade com escravos de vários etnias, escravos negros e brancos da família da Dona Joaquina.O Capão do Zezinho, principal concentração do grupo, se localiza no município de Martinho Campos, na margem esquerda do Rio Pará, região centro-oeste de Minas Gerais, a 15 km do povoado de Ibitira, que por sua vez dista 180 km de Belo Horizonte. Capão do Zezinho é um pequeno vilarejo, com muitas árvores frutíferas e casas de alvenaria, água encanada e energia elétrica. Ao centro há um templo católico, ao lado da casa de ritual e do rancho de festas, ambos cobertos de capim e sem paredes. O primeiro é destinado às suas danças tradicionais e missas, enquanto o segundo é destinado aos festejos e comemorações. Neste vilarejo têm ainda um edifício onde funciona uma escola. Nas proximidades do Capão do Zezinho há outros três lugarejos de posse dos Kaxixó, que é a Fazenda Criciúma, Pindaíba e Fundinhos, estes dois últimos na Fazenda São José.

Os Kaxixó foram oficialmente reconhecidos como grupo étnico. Sua principal luta é pela conquista de suas terras tradicionais, sob posse de vários fazendeiros.

Meus registros fotográficos na Aldeia.






















E aí,gostaram?  Compartilhe, siga o BLOG, e venha se inscrever no meu canal! https://www.youtube.com/watch?v=THeYCRwDPvg
Volte sempre por aqui!
Kisses